SEJA BEM-VINDO!!!!

SEJA BEM-VINDO!!!!
Este é um espaço dedicado à estudantes e profissionais de serviço social e também àqueles que tem interesse pelos assuntos sociais do nosso país, que acreditam e contribuem para a efetivação dos direitos de todos os cidadãos!

Seguidores

quinta-feira, 29 de julho de 2010

CIDADANIA

O QUE É CIDADANIA


“A cidadania expressa um conjunto de direitos que dá à pessoa a possibilidade de participar ativamente da vida e do governo de seu povo. Quem não tem cidadania está marginalizado ou excluído da vida social e da tomada de decisões, ficando numa posição de inferioridade dentro do grupo social”.

(DALLARI, Direitos Humanos e Cidadania. São Paulo: Moderna, 1998. p.14)


A história da cidadania confunde-se em muito com a história das lutas pelos direitos humanos. A cidadania esteve e está em permanente construção; é um referencial de conquista da humanidade, através daqueles que sempre lutam por mais direitos, maior liberdade, melhores garantias individuais e coletivas, e não se conformam frente às dominações arrogantes, seja do próprio Estado ou de outras instituições ou pessoas que não desistem de privilégios, de opressão e de injustiças contra uma maioria desassistida e que não se consegue fazer ouvir, exatamente por que se lhe nega a cidadania plena cuja conquista, ainda que tardia, não será obstada.
 Ser cidadão é ter consciência de que é sujeito de direitos. Direitos à vida, à liberdade, à propriedade, à igualdade, enfim, direitos civis, políticos e sociais. Mas este é um dos lados da moeda. Cidadania pressupõe também deveres. O cidadão tem de ser cônscio das suas responsabilidades enquanto parte integrante de um grande e complexo organismo que é a coletividade, a nação, o Estado, para cujo bom funcionamento todos têm de dar sua parcela de contribuição. Somente assim se chega ao objetivo final, coletivo: a justiça em seu sentido mais amplo, ou seja, o bem comum.
Este ano , mais do que nunca, estaremos exercendo nossa cidadania através do exercício do voto. Precisamos estar atentos para os governantes que escolheremos para nos representar no Poder.Vamos atentar para seus programas de governos, estudar sua trajetória política e  comportamental, pra assim tomarmos nossa melhor decisão, pois ela se refletirá nas principais decisões do país nos próximos 4 anos.
Não adianta ficarmos só reclamando das desigualdades, da corrupção  que acomete nosso país, se não prestamos atenção em quem votamos. Precisamos participar da vida democrática, termos consciência de pertencimento à vida política do país. É preciso querer participar do processo de construção dos destinos da nossa Nação para mudarmos essa realidade.Afinal, nós somos os responsáveis por quem está no Poder.

Nenhum comentário:

Postar um comentário