SEJA BEM-VINDO!!!!

SEJA BEM-VINDO!!!!
Este é um espaço dedicado à estudantes e profissionais de serviço social e também àqueles que tem interesse pelos assuntos sociais do nosso país, que acreditam e contribuem para a efetivação dos direitos de todos os cidadãos!

Seguidores

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Saiba tudo sobre o curso de Serviço Social!


O curso

Bacharelado

Todo o conteúdo é voltado para dar base para o aluno compreender e analisar a realidade social numa perspectiva histórica, crítica e propositiva. O principal objetivo do curso é formar um profissional capaz de criar e implementar programas cuja finalidade seja a transformação social. Para isso, a grade curricular inclui muita sociologia, teoria política, filosofia e economia, além de conteúdos vinculados à formação da sociedade brasileira, como políticas e movimentos sociais, trabalho e sociabilidade, relações de gênero, étnicas e raciais. Desde o início, o estudante realiza trabalhos de campo em comunidades e em diversos espaços institucionais e sociais, como sindicatos, escolas, creches, ONGs e cooperativas. O estágio supervisionado é obrigatório.
Duração média: quatro anos.

A assistência social
São o planejamento e a execução de políticas públicas e de programas sociais voltados para o bem-estar coletivo e para a integração do indivíduo na sociedade.
 O assistente social trabalha com a questão da exclusão social, acompanhando, analisando e propondo ações para melhorar as condições de vida de crianças, adolescentes e adultos. Cria campanhas de alimentação, saúde, educação e recreação e implanta projetos assistenciais.
Em penitenciárias e abrigos de menores, propõe ações e desenvolve a capacitação para a reintegração dos marginalizados. Em órgãos públicos, formula projetos e políticas que atendam aos segmentos excluídos da sociedade. Em empresas, realiza campanhas de segurança no trabalho e acompanha funcionários nas questões de saúde, finanças, sociais e familiares. É obrigatória a inscrição no Conselho Regional de Serviço Social para o exercício da profissão.

O mercado de trabalho

Têm aumentado as vagas nas capitais. A terceirização de parte dos serviços sociais e de saúde do governo para ONGs faz crescer a procura por assistentes sociais para gerir e implementar políticas nessas áreas. "O assistente social atua no campo das políticas públicas em geral, com o objetivo de viabilizar o acesso da população à saúde, previdência, habitação e assistência social", explica Maria Liduina de Oliveira e Silva, vice-presidente da Associação Brasileira de Ensino e Pesquisa em Serviço Social e coordenadora do curso da Unifesp. Mas a maior parte das vagas ainda é no setor público, nos níveis federal, estadual e municipal.
Programas governamentais, como o Bolsa Família e o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), sempre necessitam repor seus quadros. Nas ONGs, as contratações são realizadas sem a necessidade de concurso público. O Projeto Guri, em São Paulo, cuja finalidade é promover a inclusão sociocultural de crianças por meio do ensino musical, é exemplo de entidade não governamental que recebe os formados no curso. Empresas que possuem fundações, como o Grupo Orsa, de papel e celulose, e a Vicunha, empresa têxtil, também contratam o profissional para a gestão de projetos sociais.

Salário inicial: R$ 2.500,00 (30 horas semanais); fonte: Sindicato dos Assistentes Sociais do Estado do Rio de Janeiro.

O que você pode fazer

Assistência à criança e ao adolescente
Desenvolver e implantar projetos de apoio à educação e acompanhamento de crianças e jovens carentes. Na Justiça, nas varas de família, deve acompanhar os processos que envolvem crianças e adolescentes em situação de risco social, de adoção e de disputa de guarda.
Empresas
Organizar e executar programas educativos de saúde, lazer e segurança no trabalho.
Saúde
Participar de campanhas públicas de prevenção de doenças endêmicas e epidêmicas e do combate ao alcoolismo e às drogas. Prestar assistência a pacientes e seus familiares.
Educação
Criar e implementar programas de bolsa de estudo e auxílio financeiro, assim como selecionar os estudantes beneficiários.

2 comentários:

  1. O sue blog está muito bom, por isso ele merece o meu selo de reconhecimento.
    Entra no meu blog e pega o seu selo de aprovação.
    http://edianabio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. O ASSITENTE SOCIAL NÃO PRECISA TRABALHAR SÓ COM POPULAÇÃO COM VUNERABILIDADE SOCIAL AFLORADA. A
    ASSISTÊNCIA SOCIAL É UM DIREITO A TODA POPULAÇÃO,DEVE SER ENTENDIDA COMO POLITICA PÚBLICA, ASSIM COM SAÚDE E EDUCAÇÃO. O MOMENTO DO BRASIL A AÇÃO PROFISSIONAL É A MAIS FORTE NO SERVIÇO PÚBLICO FRENTE AS POLÍTICAS QUE SÃO MARCAS DOS GOVERNOS, NAS GRANDES EMPRESAS ESTÁ A FRENTE DAS AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL. ATUA TAMBÉM EM CONSULTORIA E ASSESSORIA.
    A FORMAÇÃO INCIAL DA UNIVERSIDADE DEVE SER APRIMORADA COM MUITO ESTUDO PARA QUALIFICAR A PRÁTICA.

    ResponderExcluir